São Leopoldo - Rio Grande do Sul - Brasil

Home > seu cão > escolher > Onde ele mora?

Pode ouvir o cão rosnar?

Um guarda não cai do céu - devemos amar o nosso cão!


Mudança de hábitos

Há pessoas que acham que um cão de guarda deve desde o começo ser acostumado a dormir fora da casa. É triste e irresponsável manter um cãozinho de poucas semanas de idade sozinho, longe da sua matilha. Mas não somente isso, o cãozinho sente medo e vira um cão medroso que late por qualquer coisa. Um cão late muitas vezes por medo, raramente por ser bravo. Um cão criado sem interesse, quase nunca é um cão ligado à família, o que significa que ele não sente necessidade de defender casa e família. Muitos cães se tornam agressivos demais sem o afeto de um responsável.

Nós criamos muitos filhotes que viraram cães valentes e defensores. Cada filhote que entra em nossa casa pode dormir os primeiros meses ao lado da cama de alguém. Quando o bichinho se sente só e começa a chorar, podemos falar com ele suavemente ou acalmá-lo com a mão, sem nos levantar. Sempre li que isso é muito errado e mima os cãezinhos e que os cães quando grandes também irão querer dormir ao lado da cama, pedindo carinho a noite inteira. Bobagem! Devemos tratar os animais conforme a idade deles. Nenhum humano adulto de boa saúde mental e física mama na mãe, usa fraldas ou tem medo no escuro.

Filhotes dormem todos juntos por se sentirem mais seguros e mais quentes. A partir de mais ou menos cinco meses, eles detestam dormir em contato com outros cães. Nesta idade, os lobos começam também a caçar juntos com os velhos. Agora o nosso cãozinho pode dormir no seu lugar, sem o contato constante conosco.

Nos Estados Unidos, em New Skete, estado de Nova York, há um convento cujos monges se dedicam aos cães. Entre outras coisas eles descobriram que o relacionamento entre cão e o responsável depende de outros fatores, como a presença do responsável na vida do cão. Cães e monges dividem as celas e no refeitório, enquanto os monges comem, os cães deitam ao redor, próximos às paredes, esperando o fim da refeição.

Muitas vezes, o responsável durante o dia não tem tempo nem para olhar para o seu cão. (Numa matilha de lobos todos dormem juntos, nenhum membro pode ser expulso) Então, à noite cão e dono podem ficar juntos no mesmo quarto. Primeiro: O relacionamento entre os dois se fortifica. Segundo: Em caso de um assalto, o ladrão pode matar um cão fora da casa e entrar tranqüilo. O cão no quarto é a melhor proteção. Argumento contra: O cão pode deixar pêlo no tapete, pode precisar sair à noite ou querer subir na cama. Um bom aspirador de pó e uma boa educação do cão matam este argumento.

Mesmo assim pode haver necessidade de construir um canil. Às vezes recebemos visitantes medrosos ou queremos prender o cão por outras razões por um tempo definido. Já vi canis do tamanho de uma banheira em terrenos do tamanho de um parque. É justo? O canil deve pelo menos medir dez vezes o comprimento do cão, ou um metro quadrado para cada kg do animal, para ele se movimentar. O canil deve ficar mais perto possível da nossa casa, pois o nosso amigo fiel sofre preso longe da sua matilha.

Melhor é somente dentro da casa dos humanos!

A casinha deve abrigar o cão inteiro, mas não deve ser grande demais em regiões onde faz frio, para o cão poder esquentar a casinha. A porta da casinha deve ser ao lado, para que o cão fique protegido de ventos fortes. A porta deve se direcionar para o norte ou o leste, para evitar os piores ventos. O telhado da casinha se esquenta no sol. Por isso a casinha deve ficar na sombra se não houver uma árvore oferecendo sombra para o cão em dias quentes.